Home / Nossas Sugestões  / Relacionamento  / Os 17 principais motivos do fim do relacionamento

Os 17 principais motivos do fim do relacionamento

fim de relacionamento

Acabo de ver um estudo realizado por psicólogos da Universidade de Western Sydney (Austrália), no Catraca Livre, que afirma que a aparência desleixada do parceiro é o principal motivo do fim de um relacionamento. Para chegar a essa conclusão, eles analisaram dados coletados de mais de cinco mil pessoas, entre 21 e 76 anos.

Os resultados, tanto de homens quanto de mulheres, ficaram bem parecidos. Mulheres resistem mais a um relacionamento a distância, mas não perdoam preguiça, por exemplo. Já os homens terminam mais por falta de tesão do que as mulheres. Ambos não suportam pessoas teimosas…

O ranking é esse… algumas coisas eu concordo, outras não… confira minha opinião:

1º Aparência desleixada: 63% dos homens | 71% das mulheres

Não precisa estar sempre super produzido, mas quando a gente conhece a pessoa, geralmente ela está bem arrumada. Então criamos uma imagem e de repente, quando o relacionamento fica sério, ele se torna um hippie rsrsrs… Não vale vir com a desculpa de que agora que está namorando não precisa mais né? É muito importante admirar o parceiro… de verdade… olhar e pensar: “nossa, como ele está lindo”, faz a gente se (re)apaixonar todos os dias.

2º Preguiça: 60% dos homens | 72% das mulheres

Peloamor né? Um companheiro(a) preguiçoso não rola. Você quer sair, ele não. Ele quer praticar um esporte, você não… assim não dá. É muito importante ter o mesmo pique e a mesma atitude, senão a gente vai se distanciando.

3º Muito dependente: 57% dos homens | 69% dos mulheres

Isso vale tanto para homens quanto para mulheres. Hoje em dia, com a vida acelerada, não dá para assumir a responsabilidade da vida do outro. É muito importante que os dois andem juntos e resolvam tudo juntos! O peso que a dependência cria sobre os ombros é muito grande e de repente pode ser que a pessoa não aguente mais. Principalmente a dependência financeira, porque isso cria uma ansiedade todo mês, com dinheiro e contas. Já vi muitos casais incríveis se desentenderem por isso.

4º Falta de senso de humor: 50% dos homens | 58% das mulheres

Affff… sabe aquela pessoa que não ri de nada, que fica no canto emburrado, que não conversa com ninguém. Quem vai querer sair assim? Ou pior, aquela pessoa que mesmo quando está A2 nem conversa, não ri de coisas bobas e critica tudo. De verdade, relacionamentos assim estão fadados ao fracasso mesmo.

5º Relacionamento à distância: 51% dos homens | 47% das mulheres

Essa eu discordo um pouco. Tenho dezenas de exemplos de amigos que namoraram a distância por anos e depois se casaram e hoje vivem felizes. É uma questão de escolha. O que você quer: um relacionamento a distância sincero, bacana, que você sabe que é sua alma gêmea ou abrir mão disso por impaciência e imediatismo? Mas claro que isso só funciona de verdade se vocês souberem que a distância é um obstáculo momentâneo… e que um dia (o mais breve possível) vocês vão ficar juntos fisicamente.

6º Ruim de cama: 44% dos homens | 50% das mulheres

Bom, neste caso a gente nem sempre acerta de primeira…rsrs… e mais ainda, as primeiras vezes podem ser meio desajeitadas. Mas se a incompatibilidade durar, não tem jeito. Essa sintonia é fundamental, sem dúvida.

7º Reclama que o parceiro não tem auto-confiança: 33% dos homens | 47% das mulheres

Penso sobre auto-confiança a mesma coisa que penso sobre dependência e insegurança: não dá! Ainda mais quando um é inseguro e o outro tem auto-confiança de sobra… ai não tem jeito mesmo. Sem mais.

8º Viciado em TV/videogame: 25% dos homens | 41% das mulheres

A palavra “viciado” já me assusta… seja em TV, videogame ou qualquer outra coisa. O casal tem que ser a prioridade no relacionamento. Imagina, ser trocada(o) por uma máquina no sábado a noite? Dá para encontrar um equilíbrio e tipo, criar alguns momentos individuais: um vai pro salão outro fica jogando. Mas se virar um vício…  Fuja!

9º Falta de tesão: 39% dos homens | 27% das mulheres

Não basta ser “os melhores amigos”… tem que ter química, desejo. Senão, de verdade, quando você sentir atração por outra pessoa, não vai resistir…

10º Pessoa teimosa: 32% dos homens | 34% das mulheres

Uma coisa é ter opinião… a outra é bater de frente apenas para contrariar. Aí ferrou. Isso cansa, de verdade. O relacionamento é um jogo para dois.

11º Falar muito: 26% dos homens | 20% das mulheres

Hahahahaha será que essa foi uma indireta para mim? Brincadeira. Eu falo pra caramba, mas sei ouvir também. Gosto muito de conversar, tenho opinião forte, mas o problema é quando o outro não te deixa abrir a boca e pior, quando você fala, ele nem preta atenção.

12º Falar pouco: 11% dos homens | 17% das mulheres

É a mesma coisa do anterior, só que ao contrário… rsrsrs…

13º Ser franco e direto: 11% dos homens | 17% das mulheres

Essa eu tenho minhas dúvidas… Ser franco e direto é bom e muito prático. O problema está no “tom”. Tem gente que se acha no direito de ser “grosseiro” e isso eu acho errado. Você pode dizer exatamente que pensa, sem deixar de ser gentil, né? E também, você pode ponderar: “será que eu preciso mesmo dizer isso?”… tem coisas que não precisam ser ditas e ponto.

14º Não querer ter filhos: 13% dos homens | 15% das mulheres

Fato. Isso tem que ficar muito claro. Eu não quero ter filhos e Henrique sabe disso e aceitou. Ponto. Mas, se o sonho da pessoa é ser pai ou mãe, deve procurar alguém que compartilhe desse mesmo objetivo. Ponto de novo.

15º Já ter filhos: 14% dos homens | 12% das mulheres

Aqui vou criar polêmica também. Eu não namoro pessoas que tenham filhos. Por experiência própria posso afirmar que, como eu gosto de ser prioridade, não sei dividir a atenção com um filho de outra pessoa. E como eu acho que uma vez que você resolveu ser pai você tem que assumir isso, mais fácil procurar alguém que não pense como eu.

16º Ser muito atlético: 7% dos homens | 10% das mulheres

Oi?! Não entendi. Isso é uma questão de gosto estético. Tem quem goste de atléticos, tem quem goste de magrelos, de gordinhos, de baixinhos, de altinhos… Tem quem goste de branco, de negros, de amarelos… Tem gosto para tudo. Acho que o certo seria dizer: “Não atender ao seu gosto pessoal”.

17º Não ser nada atlético: 7% dos homens | 6% das mulheres

Idem… mas com uma ressalva. Se você é adepto de esportes, valoriza o condicionamento físico (como eu e Henrique), o “não ser nada atlético” pode ter outra interpretação. Tipo. Não dá para nós (sei que posso falar por ele) nos relacionar com uma pessoa que adora beber cerveja no boteco. Claro que isso vai refletir na estética dessa pessoa, mas a questão mesmo é “estilo de vida”. Tem que ser compatível. Simples assim.

4
POST TAGS:

rozze_angel@hotmail.com

Review overview
NO COMMENTS

Sorry, the comment form is closed at this time.